Only

Quand'eu casar
a catedral
será o céu
e embaixo dos pés
de quem se ama
não haverá outro
tapete
Além da grama...

Será assim,
entre o não o sim,
em suspenso,
caçaremos o:
talvez...
de cada sempre.

Quand'eu casar
a única promessa
será: sem ter pressa
de partir.

E dessa vez, por um triz
o eu e o tu
se adorarão: rumando.

E quando chegar o dia
em que até mesmo isso
a gente não cumprir,
nem vai ser problema...

vamos colocar no anel
"my love"
e quem chegar, atrasado,
saberá, que o  "talvez"
nem sempre dure, mas se procure...

E que entre o céu e a grama
tiramos um do outro o
que cada um soube
oferecer:
algum amor.